"Energia nuclear nunca será segura", diz deputada verde

Deutsche Welle
[singlepic id=148 w=200 h=160 float=left]Parlamentar que lidera moção no Bundestag contra acordo com Brasil afirma que deveria ser papel da Alemanha promover o fim do uso da energia atômica também no exterior. “Chernobyl atingiu quase toda a Europa”, lembra.
No documento apresentado, o partido alega que a cooperação entre os dois países não contribui para melhorar a segurança nas duas usinas nucleares brasileiras, de Angra 1 e 2.

leia a entrevista com a deputada Sylvia Kotting-Uhl

 
[singlepic id=150 w=240 h=160 float=right]Uma outra posição tem o deputado Andreas Lämmel da União Democrata Cristã (CDU
Em entrevista à DW, Andreas Lämmel defende manutenção da parceria Brasil-Alemanha, focada no repasse de conhecimento sobre segurança. Know-how alemão pode ser usado no caso de desligamento das usinas brasileiras, afirma.

leia a entrevista com o deputado Andreas Lämmel

mais informações

21/10/2014: Parlamento alemão votará sobre fim de acordo nuclear com Brasil

Partido Verde diz que pacto bilateral, em vigor desde 1975, não condiz com a atual política para o setor na Alemanha, que está banindo aos poucos energia atômica. Votação será no início de novembro.

leia mais na página da Deutsche Welle

24/09/2014 : Pedido do Grupo Verde no paralmento federal da Alemanha “Rescisão do acordo nuclear bilateral com o Brasil

Pedido traducido  em português

original em alemão

15.10.2014: Decisão recomendada e relatório da Comissão de Economia e Energia do parlamento federal da Alemanha sobre o pedido do Grupo Verde

documento em alemão

30/10/2014: REVOGAÇÃO DO ACORDO NUCLEAR BRASIL-ALEMANHA JÁ

A Articulação Antinuclear Brasileira, a Coalizão por um Brasil Livre de Usinas Nucleares e entidades parceiras alemãs denunciam este acordo e reafirmam a nossa luta contra o nuclear e todos os perigos em torno desse ciclo devastador.

a carta em português

a carta em alemão

Permanentlink zu diesem Beitrag: https://kotting-uhl.de/site/energia-nuclear-nunca-ser-segura-diz-deputada-verde/